Portal Padrão Barra de Identidade Visual do Governo Federal na Internet - APLICAÇÃO do Governo Brasileiro

Campus Paranaguá cria Núcleo de Direitos Humanos Marielle Franco

Publicado em março 14, 2019

 

No dia 14 de março de 2018, há exatamente um ano, eram assassinados barbaramente a Marielle Franco e Anderson Gomes. Pela luta em defesa dos direitos humanos empreendido por Marielle contra a violência doméstica e o direito à moradia – pautas que também orientavam sua ação – juntamente com sua luta contra o genocídio da população negra e periférica, o Eixo EJA/EPT (PROEJA) do Campus Paranaguá propôs a criação do Núcleo de Direitos Humanos Marielle Franco em conjunto com defensoras/es populares formados em 2018 pelo curso EJA/FIC.

Leia Mais

A proposta ganhou força no fim do ano passado quando os estudantes promoveram mutirões nos bairros da periferia de Paranaguá para atendimento de direitos fundamentais, frequentemente violados à população da periferia. As iniciativas contaram com apoio do CRAS e da Defensoria Pública do Paraná.

Com a criação do NDH Marielle Franco no final de 2018 (aprovação do CODIC e submissão do projeto ao COPE) pretendemos iniciar as atividades com atendimentos bimestrais à população na forma de mutirões na periferia de Paranaguá e, no próprio Campus, semanalmente.

Galeria de Imagens